Assimetrias Cranianas

Muitas mães têm muitas dúvidas com relação ao período após as cirurgias de correção de cranioestenose. Podemos apoiar a cabecinha? Como apoiar? Ele sente dor, devo tomar algum cuidado ao pegar? Como faço a torca de curativos? É normal ficar inchadinho? São questões comuns e que irei esclarecer

 

Precisa de UTI?

Imediatamente após a cirurgia, em geral, o bebê é encaminhado para a Unidade de Terapia Intensiva na qual permanecerá por 24-48 horas. O tempo de estadia é determinado pela avaliação da velocidade de queda da hemoglobina sérica que determina a necessidade ou não de hemotransfusão após a cirurgia.

Um momento oportuno para a liberação da UTI é aquele no qual a curva de queda passa a se normalizar ou ficar mais lenta indicando a estabilização da queda e não mais necessidade de uso de hemotransfusão. Durante este período muitas vezes as mães ficam com muito medo do que pode ser feito.

Vou poder acompanhar meu bebê e amamentar?

Na UTI sempre é permitido por lei, um acompanhante por paciente. Geralmente, por questões de amamentação, as mães ficam como acompanhante. Para começar, assim que a criança estiver mais acordada e com controle de enjoo pode ser iniciada a dieta via oral com seio materno (preferencialmente) ou fórmula láctea dependendo da dieta habitual antes da cirurgia. Isto pode iniciar poucas horas após a cirurgia. Algumas vezes, pelo fato de necessidade de monitorização clínica, existe uma certa dificuldade para amamentar. É muito importante a re-introdução alimentar com intuito de estabelecer conforto para o bebê, bem como preservar a adequada nutrição e indiretamente permitir uma adequada cicatrização dos tecidos. 

Meu bebê vai sentir dor?

Existem também muitos questionamentos com relação à sensação de dor que está sempre presente após estas cirurgias. Durante os primeiros 1 a 2 dias, em geral, é necessário analgesia mais potente com analgésicos e derivados de morfina de forma constante. Após o terceiro dia podemos iniciar a retirada gradual destes medicamentos mais fortes, mantendo inicialmente os analgésicos simples de horário e reduzindo gradativamente, conforte a dor vai diminuindo.

Sinais de irritabilidade, choro fácil e dificuldade de aceitação da dieta muitas vezes servem como bons marcadores para administrar os analgésicos. No momento da alta, normalmente os bebês já estão com uso esporádico de analgésicos para controle de dor.

Vai ficar inchado?

Imediatamente após a cirurgia, poucas vezes nos deparamos com inchaços do crânio e da face. Com o passar dos dias e, principalmente após a retirada de drenos cranianos, evidenciamos um inchaço absolutamente importante do crânio e face. É normal os pais ficarem assustados, pois os olhinhos muitas vezes não abrem e a cabecinha cresce como se fosse dobrar de tamanho.

Notamos isto principalmente do segundo para o terceiro dia após a cirurgia e, ao final do terceiro dia, inicia-se a recuperação e redução do edema. tanto o inchaço como a sua recuperação em geral são espetacularmente rápidos. É possível observar a mudança bem rápida.

A troca dos curativos é uma questão individual de cada cirurgião. Alguns irão preferir manter o curativo por alguns dias, outros solicitarão retirada no dia seguinte. Mas de modo geral, eu mantenho o curativo até o dia seguinte à cirurgia, retirando após e iniciando lavagem craniana precoce e colocação de curativos localizados, se necessário. A partir do terceiro dia já mantenho a ferida descoberta mantendo somente cuidados locais e higiene. 

E como apoiar a cabecinha?

Quanto ao posicionamento não fiquem com medo mamães e papais! As cirurgias de cranioestenose têm sua correção e remodelamento estabilizados por placas e pinos absorvíveis e são muito resistentes. Mesmo após quedas, em geral, elas persistem sem modificar sua fixação. Solicitamos sempre evitar o apoio diretamente sobre a incisão da cirurgia para melhor cicatrização e redução de risco de complicações relacionadas. 

Muitas outras dúvidas podem ocorrer. Venha nos conhecer, que estamos à disposição para esclarecer quaisquer perguntas sobre todo o processo com muito carinho!

Hospitais cadastrados