Blog

O crescimento craniano é algo muito exuberante durante os primeiros meses mesmo chegando a 11-12 centímetros no primeiro ano, um terço maior que ao nascimento.

Ao nascimento uma das situações que chamam mais a atenção dos pais ao nascimento é como segurar e posicionar aquela cabecinha enorme que os recém-nascidos têm. Parece um corpinho tão pequeno para uma cabeça enorme meio molinha e um pouco frágil demais. Com o passar dos dias vamos ficando mais acostumados com esta estranha sensação, porém cada dia mais a cabecinha vai ficando maior e maior. Tudo isto é normal!!

O crescimento craniano é algo muito exuberante durante os primeiros meses mesmo chegando a 11-12 centímetros no primeiro ano, um terço maior que ao nascimento. As curvas também são separadas para o sexo feminino e masculino e conforme os percentis de tamanho em relação à população. O acompanhamento ao menos quinzenal no primeiro mês e após mensalmente auxilia o diagnóstico precoce de diversas doenças como a hidrocefalia, tumores cerebrais, cranioestenose, dentre outros.

Alterações da curva de crescimento craniano devem ser precocemente avaliadas pelo neuropediatra ou neurocirurgião pediátrico. Cobre do seu pediatra, anote no gráfico e faça um acompanhamento ideal de seu bebê. 

Hospitais cadastrados